Observe os tigres no Parque Nacional Pench, na India.

O bicho caminha lentamente, os músculos ondulando sob as listras, enquanto avalia o tamanho da presa. Desse animal emana uma força descomunal; você percebe que está prendendo a respiração enquanto assiste à cena, da capota aberta de um 4×4. De repente, a poeira levanta: o tigre atacou antes que você pudesse piscar; a presa, um javali, mal tem tempo de se debater antes de morrer.

Ouvem-se trovoadas a distância, e a brisa sopra entre as tecas – você respira com ela, depois de ter testemunhado uma das experiências mais primitivas da natureza. O Parque Nacional Pench oferece a oportunidade perfeita de viver essa experiência enquanto acampa com luxo e estilo. Localizado na fronteira sul de Madhya Pradesh, na Índia central, abriga tigres-de-Bengala, majestosos gaures (bisões indianos), leopardos e cerca de trezentas espécies de aves.

A primeira “sessão” de safári começa por volta das 6h. Após acordar de madrugada e tomar um pouco de café com biscoitos, você embarca em um 4×4 para uma curta viagem de carro até o parque.

Logo depois, acelera pelas trilhas de terra que serpenteiam pelas florestas, atravessa planaltos recobertos de capim e percorre leitos secos de rios. No parque, há cerca de 25 tigres-de-Bengala, o que significa que suas chances de observar e fotografar esses animais raros na natureza são boas.

Depois de todos os “encontros” com animais que você puder administrar em um mesmo dia, é hora de relaxar em grande estilo. Bem no limite dessa reserva fica o Baghvan (que significa “jardim de tigres”), um Taj Safari Lodge tão glamouroso que nele camping torna-se sinônimo de glamping.

Nada de montar barraca e cozinhar em fogareiro: os doze bangalôs contam com um quarto elegante, banheiro e um pátio privativo. Mosquiteiros e cortinas transformam esses pavilhões ao ar livre em quartos arejados entre copas de árvores nos quais você pode dormir, beber e banquetear.

Compartilhe

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *