Veja como funciona um leilão de motos

De fato, os leilões de motocicletas são oportunidades nas quais você deve comprar e vender motocicletas publicamente, especialmente os veículos detidos pela polícia.

Em leilões dessa natureza, é muito comum encontrar motocicletas apreendidas, porque não pagaram os fundos ou porque explodiram e não conseguiram provar a legalidade dos documentos.

Sabendo que ao prender uma motocicleta em uma blitz, a polícia ou os inspetores direcionarão o veículo para o campo local do DETRAN. Por outro lado, quando uma motocicleta é de um financiamento que está em pagamento, e por consequência é apreendida, o banco imediatamente recupera a propriedade e mantém em uma área.

Uma vez que a motocicleta é apreendida, o responsável tem o período de 90 dias para retirar a moto do pátio. Após esse período, o veículo é leiloado. No caso de busca e apreensão, o prazo dependerá da instituição financeira que transportar o veículo.

Vale ressaltar que, quando alguém compra uma motocicleta leiloada pelo DETRAN, ele será responsável por resolver todos os problemas pendentes relacionados ao veículo. Para os leilões realizados pelos bancos, os recursos captados serão utilizados para pagar os atrasados ​​e o próprio móvel.

Esses leilões são realizados por casas de leilão oficiais. Essas pessoas não são os donos dos veículos, mas apenas, gerenciam os leilões. Pode ser que, no leilão de motocicletas, os veículos sejam vendidos individualmente ou em lotes.

Nesse caso, antes de iniciar a vendas, as motocicletas serão numeradas e depois leiloadas sequencialmente. Durante a oferta do veículo, o participante deve fazer um lance, que é o valor que ele pretende pagar pela moto.

Após o início do leilão, você já sabe que a pessoa que comprou a moto é a total responsável pelo veículo, então, neste caso, precisa seguir algumas etapas. O primeiro passo nessa situação é assinar certificados de compra de ativos. Geralmente, é necessário efetuar um adiantamento, que pode ser o cheque do nome do leiloeiro.

Curiosamente, o checkout do ativo e a assinatura de compra que o acompanha significa que você realmente manterá o veículo, ou seja, não poderá desistir da transação.

É por isso que você deve se concentrar e saber exatamente o que está fazendo. Se você decidir participar de um leilão de motocicletas, sabe que se vencer, precisará comprá-lo.

Antes de ingressar no leilão, verifique anteriormente, as regras que estão disponibilizada no site oficial do responsável ou instituição do evento. Estando consciente do procedimento, divirta-se para comprar a moto pela metade do preço. 

Compartilhe